Zoe Saldaña reflete sobre a dura experiência de filmagem de Piratas do Caribe

Zoe Saldaña lembra que não se divertiu muito durante sua Piratas do Caribe: A Maldição do Pérola Negra experiência. O filme de 2003 foi o primeiro da franquia de grande sucesso da Disney, que produziu cinco filmes no total de 2003 a 2017. piratas do Caribe estrela Johnny Depp como o personagem icônico do Capitão Jack Sparrow e conta a história de Will Turner (Orlando Bloom), que une forças com Sparrow para resgatar sua amada Elizabeth Swann (Kiera Knightley), da tripulação amaldiçoada do navio Pérola Negra.

Dentro Piratas do Caribe: A Maldição do Pérola Negra, Saldaña interpreta Anamaria, uma pirata que faz parceria com Will Turner, de Bloom, para confrontar Sparrow sobre o roubo de seu navio. Jack acaba prometendo o barco de volta para dissuadi-la de machucá-lo. A personagem Anamaria foi a primeira experiência de Saldaña em um filme de tão grande escala, e a experiência geral deixou muito a desejar para a jovem intérprete.

Quando Piratas do Caribe: A Maldição do Pérola Negra estava em produção, Saldaña tinha 23 anos. Em recente conversa com ai credoa atriz falou sobre sua experiência nada perfeita nesse ambientado quando ela era uma jovem atriz começando no negócio. Refletindo sobre por que se sentiu sobrecarregada, Saldaña compartilhou que essa experiência a fez decidir não retornar aos filmes subsequentes da franquia:

Foi minha primeira exposição a um grande filme de Hollywood, onde havia tantos atores e tantos produtores e tantos membros da equipe. Estávamos filmando em locais diferentes, e os ambientes não eram tão agradáveis, às vezes, para nossos dias de filmagem. Eu era muito jovem, e era um pouco grande demais para mim, e o ritmo era um pouco rápido demais. Eu fui embora não tendo uma boa experiência com isso em geral. Eu senti como se estivesse perdido nas trincheiras disso, e eu simplesmente não sentia que isso estava bem.

A carreira pós-POTC de Zoe Saldaña subiu para novas alturas

zoe saldana piratas do caribe torcendo

A boa notícia é que Saldaña não permitiu que essa experiência ruim azedasse sua atitude em relação às franquias em geral. Mesmo se sentindo sobrecarregada com a colossal produção de 2003, ela não deixou que isso a impedisse de investir em sua carreira e se juntar a outros grandes títulos. A artista passou a estrelar várias franquias massivas desde sua experiência em Piratas do Caribe: A Maldição do Pérola Negra. Anos depois, o ator recebeu um sincero pedido de desculpas de piratas do Caribe cineasta Jerry Bruckheimer, que resolveu toda a experiência.

Saldaña tornou-se um grande nome em Hollywood, juntando-se a grandes franquias como Avatar e MCUs Guardiões da galáxia. O ator também foi indicado a diversos prêmios, como BET Awards e People’s Choice Awards. Apesar de sua experiência menos do que ideal em Piratas do Caribe: A Maldição do Pérola Negra, Saldaña se saiu muito bem no negócio. O público pode esperar para vê-la em Avatar: O Caminho da Águacom estreia prevista para 16 de dezembro nos cinemas.

Fonte: ai credo